Pular para o conteúdo

O que é intermediação financeira?

março 24, 2010

Respondendo a dúvida do leitor: Na economia existem agentes que possuem renda maior que o próprio consumo e também o contrário, ou seja, tem necessidade de consumo maior que a renda. Para maximizar a liquidez e a produtividade na economia é necessária a alocação dos recursos poupados para os que dele precisam, esses, por sua vez, movimentarão a economia através do investimento. Diante disso, é praticamente impossível associar com exatidão os prazos e volumes poupados com a demanda por empréstimo. Portanto, surge a necessidade de um intermediário que irá arrecadar os recursos poupados, a prazos indeterminados, para os agentes que deles precisam, à prazo pré-determinados. Ao realizar esse papel o intermediário adquire uma grande responsabilidade, por assumir o risco do não pagamento dos tomadores, na medida que agrega a poupança de vários poupadores para suprir a demanda dos grandes investidores.

O Sistema Financeiro Nacional (SFN) é composto por instituições incumbidas de manter essa intermediação funcionando corretamente. Essas instituições são divididas em:

Normativas – Como exemplo o Conselho Monetário Nacional (CMN), responsável pela criação das normas que devem ser cumpridas pelos demais participantes do SFN.

Supervisoras – O Bacen e a CVM que fazem cumprir as normas vigentes.

Operadoras – Responsáveis diretamente pela intermediação (bancos comerciais, corretoras, financeiras e consórcios).

Mais sobre a Bovespa, CVM e Corretoras de Valores.

Além das demais funções originadas com a evolução da moeda, os bancos assumem o papel de intermediação financeira de diversas formas. Algumas delas: crédito imobiliário, arrendamento mercantil, financiamento, investimento, investimento em desenvolvimento ou mesmo as funções típicas do banco comercial.

São várias as atribuições e normas que regem os agentes participantes do SFN. Portanto, caso deseje mais informações, segue o site do Ministério da Fazenda, nele estão mais instruções sobre o tema tratado. Já no site do Banco Central, há orientações sobre os produtos que os agentes operadores oferecem. Boa leitura.

About these ads
3 Comentários leave one →
  1. março 27, 2010 22:52

    Ola Evandro, excelente texto. Queria compreender e gostar um pouco mais sobre a temática financeira. Mas acho que ainda há tempo para tal, até que não mude de profissão (risos). Se puder fazer alguma sugestão, gostaria que falasse a respeito das principais operações financeiras que envolvem o câmbio. De maneira resumida seria bem interessante.

    PS: Não é pedido de trabalho escolar (risos). Graças à Jah não tenho mais aulas.

    Abraços e sucessos.

    • Evandro Link Permanente*
      março 29, 2010 08:31

      Bem vindo Daniel. Obrigado pelo comentário, sua opinião é muito importante. Tenho acompanhado o seu blog e está ótimo.
      Acatando o seu pedido.. será tema de p/ um dos próximos posts. Abraços.

Trackbacks

  1. Negociando com o câmbio. « Visão Econômica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: